Vozes da Diáspora

Em 2005 recebemos convite da Fundação Infância Feliz de Cabo Verde para participar num concurso de canto, e desde então a AMRT – Associação para a Mudança e Representação Transcultural, entendeu que era uma área que também necessitava de ser trabalhada tendo em conta que poderia ser um caminho para muitos jovens.

A cultura como parte integrante da sociedade, servindo como incubadora através da entrada e mobilização promoção de pessoas que gostam desta área de atividade.

Resumindo, em cada localidade onde existem duas três ou mais pessoas que gostam de cantar, cria-se um grupo de trabalho para realizar um evento a medida do possivel onde estas pessoas convidam o publico em geral para assistir a um momento cultural preparado por eles preparado.

Pouco a pouco desenvolve-se a possibilidade do que pode vir a ser no futuro um projeto de vida, ou a base se futuros profissionais.

Partilhar:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn
Relacionadas

Leia também

CENTRO DE ESTUDOS [2002 – 2018]

Centros de Estudos as atividades são: o apoio escolar para o 1.º ciclo e as explicações para o 2.º e 3.º ciclo. Este serviço permite